Um estudo recente, realizado a pedido da CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção Civil) com as principais construtoras e incorporadoras do país, aponta que o custo final do imóvel é elevado em até 12% devido ao excesso de burocracia, que por sua vez torna o prazo de entrega do imóvel ainda mais extenso.

Os principais problemas encontrados são atraso na aprovação dos projetos, falta de padronização de procedimentos nos cartórios e "falta de clareza" nas avaliações das licenças ambientais.

O Encontro Gestão de Indicadores no Canteiro de Obra acontece em sua 1º edição para debater esses problemas e apresentar as soluções de tecnologia mais recentes que permitem as construtoras e incorporadoras acompanhar o fluxo de todo o processo do empreendimento, desde o estudo de viabilidade do empreendimento até a entrega final das chaves do imóvel. Para que engenheiros, diretores e investidores possam tomar decisões mais assertivas em seus empreendimentos.

 

Principais processos a serem abordados:

  • Tramite burocrático para aprovação e liberação do empreendimento
  • Custos administrativos e tempo de ociosidade no projeto
  • Fluxo de atividades internas da Incorporadora para a gestão do empreendimento
  • Qualificação de Fornecedores
  • Fluxo de atividades e tempo de ociosidade no canteiro de obras
  • Inspeção Final de Obra

 

 

        Aguardamos você!

 

 

LOCAL

TOTVS BRASÍLIA | ED. CITY OFFICES JORNALISTA CARLOS CASTELLO BRANCO

Sig Q 2, lote 420, 2° andar | Ao lado do correio Braziliense
Brasília, Distrito Federal

Comentários