Oficina RENASCIMENTO E PSICOLOGIA ESPIRITUAL, com Fanny Van Laere

10 Set 2014 17h - 10 Set 2014 21h Espaço ICDEP Perto do Metrô Santa Cruz

O ORGANIZADOR DESSE EVENTO FOI
organizacao

Como Respirar

Canal de conteúdo sobre fisiologia e técnicas de respiração

Esta Oficina oferece ferramentas que podem ser facilmente aplicadas na vida diária, para viver em harmonia com a nossa verdadeira natureza e dissolver o ego, nos levando à verdadeira felicidade, que é interna e não nos pode ser tirada.

Abordaremos também o estudo de técnicas de pensamento criativo, usando o poder da mente ao serviço do nosso ser interior, para benefício próprio e de todos os seres.


Para quem é esta oficina:
Para quem deseja transformar a sua vida, aprofundando a jornada de cura e despertar.

Temas que serão abordados:
- Quem sou eu?
- Aprendendo a dissolver o ego e viver em seu Ser
- A entrega e desapego como uma fonte de felicidade
- Ferramentas para desfrutar o presente: o único momento que existe.
- Como dissolver o sofrimento através da Presença
- A verdadeira função da mente e do pensamento consciente para transformar as circunstâncias da nossa vida
- Perdão e a dissolução de emoções que não nos servem mais

Há 2 formas de garantir seu lugar:

1 - Pagar com PAG SEGURO escolhendo nas opções abaixo;

2 - ou fazer um DEPÓSITO BANCÁRIO com desconto. (inteira R$72 / estudantes R$45) em:

Banco do Brasil:  Ag. 385-9 / CC. 401834-6 / CPM Comunicação e Participaçoes Ltda / CNPJ. 03.510.282/0001-65 enviando o comprovante com seu nome para cursos@comorespirar.com

Para mais informações ligue no telefone: (11) 9-6106-7561 com  ou por E-mail: cursos@comorespirar.com


Curriculum Fanny Van Laere:

Durante mais de 19 anos vem trabalhando com Leonard Orr, criador da técnica de Renascimento. É diretora do Rebirthing Breathwork International na Espanha e coordenadora na Inglaterra e EUA. É autora de três livros sobre este assunto: “Renascimento e Purificação Espiritual”, “O ressurgir do feminino”, e junto com Leonard Orr escreveu o “Manual para Profissionais de Renascimento”.

Comentários