Workshop Globalização sem Fronteiras

10 Jul 2015 15h Auditório Roberto Salmeron da Direção da Faculdade de Tecnologia – Campus Universitário Darcy Ribeiro

O ORGANIZADOR DESSE EVENTO FOI

Instituto Illuminante

O Illuminante é um instituto sem fins lucrativos que promove inovação para uma sociedade melhor, por meio de uma série de iniciativas. Participe! http://bit.ly/1F42N0G

APOIE E PARTICIPE DO JANTAR BENEFICENTE COM AS ESTRELAS! DIA 10/07 ÀS 20:00hs NO RESTAURANTE COCO BAMBU LAGO SUL (DO SETOR DE CLUBES - SCES Trecho 02 Conj. 36), E CONHEÇA DE PERTO OS PALESTRANTES! OPORTUNIDADE IMPERDÍVEL! ADQUIRA SEU CONVITE E AJUDE NA REALIZAÇÃO DESTE TÃO IMPORTANTE EVENTO!


O Programa do Ciência sem Fronteiras na Catholic University (CUA) em Washington DC tem grandes histórias de sucesso, com vários estudantes premiados e escolhidos como destaques, com conquistas em competições regionais e internacionais.  Qual o segredo deste sucesso? Como transformar este sucesso nos EUA em um sucesso no Brasil?

Contudo, após passarem pela experiência do programa – assim como a grande maioria dos estudantes brasileiros que participam – sentem na pele como é voltar a realidade brasileira. Universidades inflexíveis, mercado de trabalho saturado, falta de perspectiva de crescimento. Chegou a hora de aproveitá-los para ajudar o desenvolvimento Nacional e a transformar a sociedade brasileira.

Queremos entender os motivos, buscar respostas, alternativas e também dividir as experiências com profissionais, empreendedores, empresas locais, agências e membros do governo, com o intuito de buscar soluções de melhorias e aprendizados para tão louvável iniciativa e oportunidade. Queremos conectar estes jovens com as oportunidades de trabalho nas empresas nacionais, possibilitando que façam a diferença na realidade do mercado brasileiro e no futuro de nosso país.


Participe e faça a diferença!


Programação:

•10 de julho (sexta-feira) – GLOBALIZAÇÃO SEM FRONTEIRAS

15:00-16:00h Boas Vindas e inscrições
16:00-16:20h Duilia de Mello – O que significa ser cidadã do mundo
16:20-16:40h Guilherme Rosso - Cooperação sem fronteiras
16:40-17:00h Ludmila Pontremolez - O estudante sucesso
17:00-17:20h Marcos Nascimento – Brasil a todo vapor!
17:20-17:40h Pedro Nehme - do CsF para a astronáutica
17:40-18:00h Eduardo do Couto e Silva - Fronteiras do Conhecimento


•11 de julho (sábado) – Workshop Experiências dos Sem Fronteiras

09:00h Boas Vindas e inscrições
09:30-10:00h Solenidade de Abertura
10:00-12:00h Mesa Redonda – Experiências acadêmicas, profissionais e pessoais
12:00-14:00h Brunch
14:00-15:00h A volta ao Brasil e o ingresso no Mercado de trabalho
15:00-16:00h Um ano na Catholic University (PUC-DC)
16:00-16:30h Café
16:30-18:00h “WishList” – Como melhorar para transformar 

Encerramento e foto oficial do evento
Festa

Duilia de Mello, nasceu em Jundiaí, SP, e foi criada na cidade do Rio de Janeiro. Ela é astrofísica extragaláctica, professora de Física e Astronomia da Catholic University of America e pesquisadora associada da NASA Goddard Space Flight Center nos EUA. Ela tem grande experiência em ensino e em mentoria, é apaixonada pelo conhecimento e está sempre procurando formas de estimular os estudantes pelo mundo. Ela é formada em astronomia pela UFRJ, é mestre pelo INPE e é doutora pela USP. Ela fez pós-doutorado no Observatório Cerro Tololo no Chile, no Observatório Nacional no Rio e no Instituto do telescópio espacial Hubble nos EUA. Ela foi também professora assistente na Universidade Chalmers na Suécia. Ela tem mais de 150 artigos científicos publicados. Entre o público ela é conhecida como a Mulher das Estrelas. Em 2013 ela foi escolhida como uma das 10 mulheres que mudam o Brasil pelo Barnard College-Columbia University. Em 2014 ela ganhou o prêmio Profissional do Ano da Diáspora Brasil pelo seu trabalho em Tecnologia, Informação e Comunicação. No final de 2014 a revista Época a selecionou como uma das 100 pessoas mais influentes do Brasil A meta dela é mudar o mundo, estudante por estudante.

Ludmila Schincariol Pontremolez, nasceu em São José do Campos, São Paulo, em 19 de Dezembro de 1989 e formou-se em Engenharia da Computação pelo Instituto Tecnológico da Aeronáutica – ITA em Março de 2014. Foi selecionada para o programa Ciência Sem Fronteiras com a maior nota geral dentre os alunos do ITA, estudando durante o ano de 2012 na Catholic University of America e na George Washington University, em Washington DC. Durante sua permanência nos EUA foi selecionada para estágio na NASA, no Space Telescope Science Institute (STScI) em Baltimore, onde esteve por 3 meses trabalhando no Software Iris, uma ferramenta do Observatório Astronômico Virtual que permite a visualização de espectros de energia de corpos astronômicos. No ano de 2013 foi selecionada para um estágio na sede da empresa Microsoft, em Redmond, WA trabalhando lá 3 meses no time responsável pelo SQL Server. Em 2014 ingressou na recém-fundada CareLuLu, trabalhando no centro de sturt-ups no Vale do Silício, em São Francisco, CA. Foi a primeira Engenheira de Software contratada pela empresa, trabalhando lado-a-lado com o CTO na construção do aplicativo web. A empresa participou do renomado programa de aceleração 500 Start-ups, ao final do qual captaram quase $2 milhões em recursos através da firma Khosla Ventures.

Eduardo do Couto e Silva é brasiliense e formado em física pela UnB. Fez doutorado nos EUA e possui pós-doutorado no CERN em física de partículas e em astrofísica de altas energias no SLAC Nacional Accelerator Laboratory na Califórnia (EUA). Durante os 22 anos que morou fora do país ocupou papel preponderante na construção e operação de experimentos científicos em satélites espaciais e laboratórios subterrâneos, Foi chefe do Dept de Pesquisa do Kavli Institute for Particle Astrophysics and Cosmology da Universidade de Stanford e Deputy Manager de Operações Científicas do telescópio principal do Observatório Fermi, lançado pela NASA em 2008 para estudar emissões de raios gama. Com mais de 300 artigos científicos se interessa pela origem e a evolução do universo e acredita que entender o que é matéria escura seja um dos temas científicos mais fascinantes da próxima década. Hoje trabalha no Centro de Gestão e Estudos Estratégicos em Brasília, onde realiza estudos, recomenda e avalia políticas públicas para as áreas de ciência, tecnologia e inovação, Eduardo tem se especializado na articulação entre a indústria e a academia e na elaboração de estratégias para instituições que buscam excelência, impacto e inserção internacional. Eduardo quer colaborar com a construção de um país melhor estudando e estimulando ecossistemas de inovação e desenvolvendo acordos estratégicos que promovam o Brasil no cenário internacional. Eduardo acredita que os grandes desafios científicos e tecnológicos não devem apenas a motivar, mas também inspirar a nossa nova geração de estudantes.

Pedro Nehme nasceu em Brasília, tem 23 anos e cursa Engenharia Elétrica na Universidade de Brasília. Em 2011 se apaixonou pelas atividades espaciais durante o Curso de Inverno do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). No ano seguinte embarcou para Washington, DC, selecionado na primeira chamada do programa Ciência sem Fronteiras, onde estudou na Catholic University  of America e estagiou no Goddard Space Flight Center, desenvolvendo uma câmara criogênica, um sensor de estrelas e circuitos eletrônicos para o balão de alta altitude BETTII. Em 2013 ajudou a consolidar uma nova linha de pesquisa na UnB, desenvolvendo um balão de alta altitude e realizando 2 lançamentos com sucesso. Nesse mesmo ano teve uma das maiores surpresas da sua vida: ganhou uma viagem espacial em uma competição internacional com mais de 129mil participantes. Atualmente ele é bolsista da Agência Espacial Brasileira, onde trabalha no desenvolvimento do nanossatélite SERPENS e auxilia nos programas da AEB, em especial o Programa Microgravidade. Em 2015, iniciou a sua preparação para a viagem espacial suborbital a bordo do veículo espacial Lynx, da XCOR Aerospace. Já realizou treinamentos em centrífuga, câmara de altitude, assento ejetável, cadeira de Barany e voou em um caça F5. Pedro acredita que as atividades espaciais podem proporcionar novos horizontes para o Brasil e trabalha para voltar o olhar dos brasileiros para o céu.

Guilherme Rosso, 21 anos e natural de Boa Vista/RR, é filho de pai Potiguar e mãe Gaúcha. Aos 7 mudou-se para Natal, onde viveu até o fim da faculdade. Formou-se Bacharel em Ciências e Tecnologia pela UFRN em 2014, com período sanduíche pelo programa Ciência sem Fronteiras na Clark University e Worcester Polytechnic Institute (WPI), em Massachusetts, EUA. Trabalhou como consultor na SGS Soluções com foco em melhoria da eficiência de empresas no Nordeste e atualmente faz Mestrado em Modelagem de Sistemas Complexos na USP, buscando aplicações em gestão e políticas públicas. Ele também é co-fundador e atual Diretor de Relacionamento da Rede CsF, uma iniciativa de participantes de mobilidade acadêmica internacional que, através da colaboração e atuação em rede, vislumbram o desenvolvimento da Ciência, Tecnologia e Inovação e da Educação como retorno do investimento ao país. Guilherme quer fazer parte de uma profunda transformação do Brasil e acredita que o quanto mais estivermos juntos e conectados, maior será essa transformação.

Marcos Nascimento de Moura Silva, brasilense de 35 anos, formado em Ciências Econômicas na UnB. Empreendedor serial com mais de 15 anos de atuação em projetos de Inteligência de Negócios, Ferramentas Digitais e Inovação. Desenvolveu e implementou projetos para a General Motors do Brasil, Chile, Colômbia e Equador, Harley Davidson, Caloi, JBS, dentre outros. Atualmente atua como Co-Founder e CEO da IZIE Inteligência Comercial, uma startup de Social Commerce que busca ajudar o pequeno empreendedor a crescer e também atua como Conselheiro e Co-Fundador do Instituto Illuminante, uma organização sem fins lucrativos que busca fomentar o ecossistema de inovação brasileiro. Acredita na teoria da abundância, na singularidade e que podemos mudar o passado alterando o nosso futuro, basta querer e fazer. Em seu ponto de vista, interação é a chave, informação é a porta, conhecimento é o caminho e colaboração é a solução.


LOCAL

Auditório Roberto Salmeron da Direção da Faculdade de Tecnologia – Campus Universitário Darcy Ribeiro

Faculdade de Tecnologia - Universidade de Brasilia
Brasília, DF

Comentários